Porque algumas pessoas encontram dificuldades em seus relacionamentos ?

Os relacionamentos são como trilhas emocionais, cheias de curvas e desafios, onde muitas vezes, nos encontramos frente a obstáculos aparentemente intransponíveis. Se você está vivenciando dificuldades em seus relacionamentos, saiba que não está sozinho. Trago hoje, algumas situações que estão por trás desses desafios que poderão te ajudar.

Existem muitas situações que levam o indivíduo a ter dificuldade de se lançar em suas relações, pontuarei alguns fatores que reincidem nos atendimentos que recebo em meu consultório. Mas entenda, não trago uma pílula mágica o meu objetivo é compartilhar informações que possam levá-lo a olhar sob uma nova perspectiva determinadas situações, seja vivida por você ou pessoas em seu entorno.

E uma das principais razões pelas quais pessoas encontram dificuldades em seus relacionamentos está ligado ao medo de se entregarem, pois abrir-se emocionalmente as colocam em uma posição de vulnerabilidade e para algumas dessas pessoas, ser vulnerável é sinônimo de risco e fraqueza, pois já experimentaram feridas emocionais profundas no passado. No entanto, essa postura defensiva pode impedir a construção de relações saudáveis e profundas.

Reconhecer e enfrentar esse medo é fundamental, pois permite que a soltar-se gradualmente e estabelecer sentimentos de maior confiança.

Os nossos padrões emocionais e traumas vividos no passado também podem influenciar significativamente neste cenário, porque muitas vezes, carregamos “bagagens emocionais” não resolvidas o que podem criar padrões de comportamento negativos e reações desproporcionais em situações presentes.

É crucial buscar o autoconhecimento e a cura emocional, identificando e trabalhando nesses padrões para romper ciclos negativos e construir relacionamentos saudáveis. Isso pode envolver a busca de terapia individual ou de casal, onde profissionais experientes podem fornecer suporte personalizado e ferramentas eficazes para ambas as partes.

O processo terapêutico seja individual ou de casal é fundamental,mas precisamos ter clareza de que ter orientação e não colocar em prática de nada vai adiantar, é necessário reconhecer o “Defeito” e fazer as devidas “Correções” na prática e mais, entender que as duas partes precisam estar comprometidas, e mesmo que apenas uma das partes esteja vivenciando essa dificuldade, alguns fatores são necessários ser olhados, porque uma relação se constrói em duas mãos e tudo começa a partir de uma boa comunicação, você concorda?

Vejo pessoas que reclamam de seus parceiros (as), e não percebem que determinados processos estão justamente linkados a falta de comunicação, pois presumem que o parceiro (a) tem a ” obrigação” de saber o que estão sentindo ou pensando, sem expressar claramente suas necessidades e expectativas é como se o “receptor” / parceiro (a) tivesse uma bola de cristal!

Desta forma, é preciso ter claro que uma comunicação aberta e honesta oferece uma valiosa chave para um relacionamento sadio, porque saber ouvir atentamente o outro, expressar suas emoções, sonhos e desejos de forma clara, sem culpas ou críticas é o caminho para um bom relacionamento, e isso se aplica em várias esferas da vida não apenas nas relações amorosas.

Outro ponto a ser abordado; e não menos importante é que devemos abordar e alinhar as expectativas. Muitas vezes, as criamos baseadas em ideais romantizadas ou influências externas, o que pode levar a frustrações e conflitos. É importante comunicar e discutir abertamente as expectativas mútuas, levando em consideração as necessidades e desejos de ambas as partes. Ao estabelecer essas ações proativas, é mais provável que o relacionamento floresça e se desenvolva de forma sadio e harmonioso.

Esteja aberta a explorar novas perspectivas aprender e crescer. Se necessário for, procure o apoio de profissionais especializados que possam oferecer orientação e suporte personalizados para a sua jornada.

Em resumo: Seja paciente consigo mesma e com os outros, reconheça que cada pessoa tem suas virtudes e defeitos. Em vez apenas de focar apenas nos aspectos negativos, procure olhar para as virtudes do seu parceiro (a) e cultive uma visão mais equilibrada e amorosa.

Além disso, aprofunde-se nas causas subjacentes das dificuldades em se relacionar. Isso envolve explorar suas próprias experiências passadas, traumas ou padrões emocionais que possam estar afetando sua capacidade de conexão e ao compreender as raízes dessas dificuldades estará mais preparada para enfrentá-las e superá-las.

Lembre-se também de que o relacionamento é uma via de mão dupla e, portanto, é essencial que ambos os parceiros estejam dispostos a investir tempo, esforço e comprometimento mútuo para superar os desafios e, por fim, mantenha-se aberta ao aprendizado contínuo.

 

Com carinho,

Picture of Êurenì RS Pálma

Êurenì RS Pálma

Terapeuta floral e professora de autodesenvolvimento, ajuda você a cuidar das emoções e alcançar objetivos.
Registro Internacional nº 02018.2181

Compartilhe com seus amigos.

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Deixe seu comentário.

0 0 votos
Classificação do artigo
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Me siga nas redes sociais;

Posts Recentes

Facebook

Canal Youtube

plugins premium WordPress
0
O que achou, por favor, comente.x